Curso com certificado!

domingo, 26 de janeiro de 2020

Bolsonaro vê dificuldades na aprovação de reforma tributária no Brasil


Presidente diz que nenhum ente federativo aceita perder arrecadação.
O presidente Jair Bolsonaro vê dificuldades na aprovação de uma reforma tributária no Brasil. Em viagem oficial à Índia, ele conversou com jornalistas sobre o tema e disse que sua experiência como parlamentar mostra que nenhum ente federativo aceita perder arrecadação e que isso inviabiliza a reforma.
“Passei 28 anos na Câmara e nunca chegou até o final uma reforma tributária porque não atende estado, município e União. E não atendendo um dos três, e ninguém quer perder nada, acaba todo mundo perdendo muito e o Brasil continua nesse cipoal tributário que dificulta você produzir, empregar."
Agência Brasil.

sexta-feira, 24 de janeiro de 2020

ASSEMBLEIA LEGISLATIVA LANÇA CARTILHA COM ORIENTAÇÕES ELEITORAIS




O fortalecimento da Democracia é feito diariamente pelo Legislativo Estadual. Um dos exemplos é a cartilha com orientações eleitorais que será lançada em fevereiro deste ano. O material contém as regras atualizadas, previstas na Legislação Eleitoral e adotadas pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE), que serão aplicadas no pleito de 2020. A cartilha será disponibilizada no site da Assembleia Legislativa (www.al.rn.gov.br) e terá também formato impresso.

“O exercício da cidadania se faz também pelo acesso a informação e ter conhecimento sobre os conceitos e regras do processo eleitoral, através da cartilha, permite ao eleitor cumprir o seu papel de cidadão e fortalecer a democracia”, disse o presidente da Assembleia Legislativa, deputado Ezequiel Ferreira (PSDB).

A cartilha com orientações eleitorais foi idealizada e construída pela equipe da Procuradoria-Geral da Assembleia Legislativa, após reunião com o presidente da Casa, Ezequiel Ferreira, e atende a demanda, de forma educativa, de gestores públicos, postulantes a mandatos em 2020 e cidadãos, com detalhes sobre o rito eleitoral. “Entendemos que quanto mais transparente e participativo for o processo eleitoral, melhor para a população”, ressaltou Ezequiel.

De acordo com o Procurador-Geral da Assembleia, Sérgio Freire, a cartilha busca, de forma educativa e didática, nortear a ação dos envolvidos no processo eleitoral. “O objetivo desta cartilha é informar o cidadão acerca dos principais temas eleitorais, especialmente aqueles adotadas pelo TSE no que concerne às últimas edições por este editadas, que trata sobre as Eleições 2020 e que serão abordadas de forma resumida nessa cartilha”, declarou.

A cartilha está dividida em capítulos, pontuando situações destacadas pela Legislação Eleitoral e será base para palestras e capacitações realizadas pela Escola da Assembleia.

Lançamento de livro


quinta-feira, 23 de janeiro de 2020

NOTA DO PREFEITO DE LAGOA NOVA

Nessa quita(23), o Blog do radialista Marcos Dantas, publicou nota do prefeito de Lagoa Nova/RN, na qual, exponhe páginas digital, que segundo ele, oferencem dados da transparência do município. Confira:




quarta-feira, 22 de janeiro de 2020

FENAJ reitera defesa dos jornalistas


A presidente da FENAJ, Maria José Braga, reafirmou que o Relatório Sobre Violência contra Jornalistas é uma forma de defesa da profissão e dos profissionais (Foto: Nando Neves).
O Presidente Jair Bolsonaro, na manhã desta quarta-feira (22/01), protestando contra a divulgação do Relatório Anual da Violência Contra Jornalistas no Brasil, elaborado pela Federação Nacional dos Jornalistas – FENAJ e tornado público no dia 16 passado, anunciou que deixará de dar entrevista à imprensa, para não ser acusado de agredi-la..
Segundo queixou-se, como o Relatório – que ele atribuiu à Associação Nacional dos Jornalistas – o acusa de atacar jornalista quando de suas entrevistas, por se considerar “pacífico” deixará de falar aos jornalistas até que o “processo seja retirado”.
Na realidade, não existe qualquer processo contra o presidente movido pela FENAJ. Mas sim o relatório que constatou o crescimento dos ataques a veículos de comunicação e a jornalistas, muito por conta do próprio Bolsonaro.  De 2018 para 2019, como divulgado aqui em Com Bolsonaro, crescem ataques a jornalistas, registrou-se um aumento de 54,07% no número de agressões a jornalistas e aos meios de comunicação. Apenas o presidente da República, sozinho, foi o responsável por 121 casos (58,17% do total).
Depois da fala do presidente, ao sair do Palácio da Alvorada, a presidente da FENAJ, Maria José Braga, reafirmou que o mapeamento e divulgação das agressões a jornalistas por parte do Presidente da República, “é uma ação da entidade em defesa da categoria dos jornalistas e do exercício da atividade profissional, que estão sendo sistematicamente atacados pelo governo, na pessoa do presidente.”
A declaração de Maria José foi repetida em diversas entrevistas concedidas à imprensa após o presidente Bolsonaro declarar que não falará com jornalistas até que um “processo seja retirado”, sem especificar. O Palácio do Planalto confirmou em e-mail a jornalistas que o presidente Bolsonaro se refere ao Relatório da Violência contra Jornalistas 2019. Os ataques do presidente, no relatório foram classificados na categoria “descredibilização da imprensa”.
Maria José declarou que a Federação não possui, ainda, nenhum processo judicial contra o presidente e que a entidade avalia possíveis ações jurídicas, políticas e sindicais para que o jornalista tenha respeitado o direito ao exercício profissional. Sobre Bolsonaro se recusar a conceder entrevistas, a presidenta da FENAJ lembrou que é dever de todo funcionário público agir com transparência e, portanto,é dever do presidente informar à sociedade sobre os atos de governo.

terça-feira, 21 de janeiro de 2020

Brum lança coletânea de charges no Rio de Janeiro e em São Paulo

Tribrumna (formato 16 x 20 cm, 132 páginas, R$ 20,00) é uma coletânea de mais de 200 charges publicadas no jornal Tribuna do Norte (Natal/RN), criadas pelo cartunista Brum.

O livro está à venda e os primeiros 100 professores que adquirirem pagam somente o valor do frete. Interessados podem entrar em contato no e-mail rabiscosdobrum@gmail.com.

O título terá evento de lançamento em Niterói, no dia 24 de janeiro, às 19h, na escola Animator (Rua Visconde de Morais, 259, Rio de Janeiro/RJ).

Em São Paulo, Brum participa do Quadrinhos sem medo: Debate sobre charges e tiras políticas, no dia 25 de janeiro, a partir das 15h30min, na escola HQ em Foco (Rua Coelho Barradas, 153, São Paulo/SP), com a presença de Gilmar Machado e Carol Ito.


Marcelo Naranjo-Universo dos Quadrinhos

Convite para missa de 30 dias

A missa de 7o Dia será dia 23.01 Quinta Feira às 17:00 na Capela do Instituto/Abrigo Juvino Barreto - Av. Alexandrino de Alencar - Natal RN.