Curso com certificado!

sexta-feira, 31 de maio de 2019

OBITUÁRIO: Falece ex-candidata a vereadora por Lagoa Nova


Nasc. 09/04/1982  -  Falec. 31/05/2016

Na Unidade de Terapia Intensiva do Hospital Regional de Currais Novos/RN, na tarde dessa sexta-feira (31/4), faleceu   Jahny Emanuela Dias da Silva Santana, de 37 anos,  vítima de câncer no intestino. Ela lutava contra a doença desde 2017.

A curraisnovense Jahny Dia, era filiada ao MDB.  Pela coligação "Unidos por Lagoa Nova", nas eleições de 2016,  concorreu a uma vaga na Câmara de vereadores de Lagoa Nova/RN, obtendo 38 votos válidos. 

Jahny, era casada e mãe de três filhos.

O blog O Jornal da Serra, manifesta sentimentos de pesar a família, pela perda irreparável. 

quarta-feira, 29 de maio de 2019

Sem andar, gigante Ninão clama por ajuda: “Precisamos até de comida”


Ele recebeu alta do Hospital Universitário de Campina Grande há 15 dias. Mas para quem pensa que a vida de Joelison Fernandes, o Ninão, iria melhorar, se enganou. O gigante agora está em casa, na cidade de Assunção, na Paraíba, mas não pode andar por, no mínimo, oito meses. “Está muito complicado. Estou vivendo da ajuda dos vizinhos e amigos. Preciso até de comida, pois não tenho uma fonte de renda e não tenho como trabalhar. Peço ajuda, por favor. De qualquer tipo. Estamos necessitando”, comentou Ninão.
Joelison passou por duas cirurgias no pé direito para retirar fragmentos ósseos que não estavam mais servindo para o seu corpo. Por causa do seu tamanho, no hospital Ninão quebrou uma cadeira de rodas e sua cama tinha que ser improvisada. Cadeira de rodas, inclusive, que foi uma das dificuldades para ser encontrada para o homem de dois metros e 37 centímetros de altura.
A muleta foi outra dificuldade. Apareceu até quem pagasse, mas o impasse era o seu peso e tamanho. Não existia uma fábrica que produzisse o equipamento que fosse resistente para os 200 quilos dele. Por sorte, uma empresa de João Pessoa conseguiu o feito e ajudou Ninão, que agora está de volta para sua cidade, no Cariri Paraibano.
“Estou feliz de sair do hospital, mas continuo sem trabalhar. Não tenho rende alguma. Sou eu e minha esposa. Ela fica ao meu lado, me dando assistência. Mas como eu disse, não tenho dinheiro para nada. Peço a ajuda de vocês do OP9, que da última vez fizeram uma matéria mostrando minha situação e muita gente de bom coração ajudou”, implorou Joelison.
Por causa do seu tamanho, foi preciso juntar duas cama para acomodar Ninão no hospital. Foto: Ninão
Ninão trabalhava fazendo propaganda. O paraibano de 35 anos de idade começou a fazer sucesso ao participar dos programas do Silvio Santos e Celso Portiolli, ambos no SBT. Ele foi considerado a pessoa mais alta do Brasil em uma competição realizada pelo apresentador Portiolli.
Por causa da fama conquistada, ele aproveitou para se candidatar ao cargo de deputado federal pela Paraíba nas eleições de 2018, mas não conseguiu se eleger. Ele obteve 642 votos. O tamanho de Ninão é resultado de um tumor na hipófise, problema que foi corrigido em 2007 quando ele foi operado e parou de crescer.
No ano de 2016, Ninão voltou à mídia nacional após participar de uma quadrilha que quebrou o recorde de maior quadrilha junina do mundo, em Campina Grande. Na época, 746 pares foram formados e o recorde foi registrado pelo Rank Brasil, mesmo órgão que deu o título de homem mais alto do mundo ao gigante de Assunção no ano de 2014.
Folha Patoense








Conselho da ABI remarca eleição para os próximos 30 dias



O Conselho Deliberativo da Associação Brasileira de Imprensa, decidiu pela continuidade do processo eleitoral, que fora interrompido por disputas judiciais logo após o encerramento da Assembleia Geral Ordinária que instalaria o pleito, em 26/4. No prazo de 30 dias a contar da data de aprovação da decisão, a ABI terá eleições para definir o quadro da diretoria e suas comissões para o mandato 2019-2022.

Os representantes das três chapas oficialmente inscritas estavam presentes à reunião e acataram a decisão da maioria dos conselheiros de promover as eleições no prazo de 30 dias, respeitando todos os normativos do Regimento Eleitoral, como publicação de edital, abertura de prazo para eventuais inscrições de novas chapas, reorganização das chapas já inscritas, comprovação de habilitação ao pleito de todos os membros inscritos. O Conselho também decidiu que os atuais diretores devem continuar no comando da Casa, até que a nova administração seja empossada.

Depois de acalorados debates, prevaleceu o entendimento, como prevê o Estatuto da entidade, de que o Conselho Deliberativo é a instância legal para dirimir assuntos polêmicos como os que vinham impedindo a continuidade do processo eleitoral deste ano. Por sugestão do representante da chapa 2 e vice-presidente na atual diretoria, Paulo Jerônimo (Pagê), para que se restaurasse a normalidade do processo eleitoral, todos os processos, de parte a parte, em andamento na Justiça sobre estas eleições deveriam ser cancelados. A sugestão foi acolhida por todos os conselheiros e a tarefa de formalizar a decisão ficou sob a responsabilidade da Comissão Eleitoral.

ABI

terça-feira, 28 de maio de 2019

Evangélicos já evitaram 84 suicídios em menos de um mês, em ponte de Natal



Devido à sua estrutura imponente, a Ponte Newton Navarro se transformou em um ponto turístico de Natal (RN) desde que foi inaugurada em 2004. No entanto, a partir de 2009, a imprensa da cidade registrou que a ponte começou a se tornar um ponto de suicídio.
Segundo dados divulgados pelo governo, desde 2011, cerca de 1% de todos os suicídios do Rio Grande do Norte aconteceram na ponte. Outros 91% dos casos foram dentro de casa. A revista Época apurou que, só neste ano, 413 pessoas se suicidaram a partir do vão central da ponte de 55 metros de altura (equivalente a um prédio de 18 andares). A média é de mais de três suicídios por dia.

O pastor Rubens Medeiros, de 45 anos, da Assembleia de Deus, conta que se sentiu chamado a evitar os suicídios depois de sonhar que seu filho de três anos era uma das vítimas.
“Eu o via subir a ponte e saltar. Acordei apavorado. Naquele momento, entendi que Deus estava falando comigo e decidi que iria acampar aqui, para evitar que as pessoas façam esse horror”, disse ele à Época. Até a publicação da reportagem, na última sexta-feira (10), 84 suicídios foram evitados pelo grupo “Sentinelas de Cristo” em menos de um mês.
“Apenas uma pessoa conseguiu. Foi uma pena”, lamentou o pastor com o olhar vago, mirando a ponte.
A primeira pessoa a ser impedida de cometer suicídio pelos Sentinelas de Cristo foi uma mulher, na noite da Sexta-feira da Paixão de Cristo. Ela queria tirar a própria vida após descobrir a traição do marido.
“Foi a primeira noite em que montei acampamento e vi essa mulher surgir subindo a ponte. Corremos e a agarramos. Na primeira noite, éramos apenas eu e mais dois voluntários. Conseguimos impedir que ela se atirasse”, relembrou o pastor.
Desde então, Rubens montou um acampamento na cabeceira da ponte e chamou a atenção de todo o país. Devido à repercussão, o trabalho das Sentinelas foi equipado com mais de 20 rádios para comunicação, toda vez que um suicida em potencial começa a subir a ponte. Eles se dividem em equipes de plantão e cobrem toda a extensão de quase 3 km da ponte, três equipes de cada lado.
“As pessoas param aqui para nos cumprimentar. Mas também param para encontrar um ponto descoberto para se jogar”, explica Ailton de Oliveira, de 51 anos, um dos sentinelas. “Há seis anos estou livre das drogas. Estou aqui hoje para retribuir o que Deus fez por mim. Eu também subi essa ponte para me matar. Mas, na hora de pular, Deus falou comigo. Agora é minha vez de devolver esse gesto”.

Entre as 84 pessoas que tentaram cometer suicídio, a dor emocional é um ponto em comum. “É impressionante o número de pessoas que tentam se matar porque não se sentem amadas”, comenta Rubens. Na última semana, um caso em particular tocou a todos: uma mãe subiu a ponte com seu bebê nos braços para dar fim à própria vida e à do filho. “Ela não se sentia merecedora de amor”, revelou o pastor.
Rubens também experimentou a dor enquanto salvava outras vidas. Numa tarde de sábado, enquanto estava no acampamento, seu telefone tocou com a notícia de que seu pai havia acabado de morrer depois de um ataque fulminante.
“Eu perguntei o que Deus queria de mim. Pensei que, àquela altura, mais de 70 famílias deveriam estar enlutadas porque teriam algum familiar que se matou, mas não estavam graças a nosso trabalho. Então, por que a minha era que estava em luto? Por quê?”, questionou o pastor na época, que hoje não busca mais a resposta. “Já a encontrei fazendo o que faço aqui”.
Rede de apoio
Rubens Medeiros disse à Época que já serviu sua cidade como militar, “mas hoje sirvo a Deus”. Pai de três filhos, ele é pastor e ganha a vida como trader, operando na bolsa de valores. Ele conta que já gastou do próprio bolso quase R$ 5 mil, já que a maioria das doações que chegam ao local não são feitas em dinheiro.
A Cruz Vermelha doou duas barracas e igrejas forneceram banheiros químicos. Para tomar banho, eles se revezam em uma casa alugada por R$ 250 a alguns metros do acampamento, de onde puxaram uma fiação que fornece luz para o local.
A mobilização dos evangélicos atraiu a ajuda de profissionais como advogados, psicólogos e psiquiatras engajados na causa. É o caso da educadora física Leila Maia, que se juntou ao pastor nos esforços para conseguir os equipamentos de segurança da ponte.
“Meu projeto nasceu de uma inspiração na Coreia do Sul, quando a Samsung fez uma campanha em uma ponte que também estava sendo utilizada para suicídios e conseguiu redução de 85% dos casos”, explicou. Com o esforço de Leila, 80 mensagens de encorajamento pela vida estão espalhadas ao longo da ponte.

Embora a ação do grupo tenha chamado a atenção nas redes sociais, o pastor Rubens Medeiros só pretende desmontar seu acampamento, que atualmente chega a ter 500 pessoas por dia, quando o governo der uma resposta eficiente ao problema. “Só vamos sair daqui quando mandarem patrulha para esta ponte enquanto providenciam a rede de proteção”, afirmou convicto.
De acordo com a Época, o governo do Rio Grande do Norte e a prefeitura de Natal foram sentenciados em outubro de 2018 pela Fazenda Pública de Natal a providenciar os equipamentos de segurança na ponte. Em nota, a prefeitura de Natal informou que recorre da decisão porque a ponte foi construída com recursos federais, executada pelo Estado, e que não lhe compete nenhuma intervenção no local. Sobre a patrulha, informou não dispor de efetivo para se revezar nas vigílias como os voluntários têm feito.
A governadora do Rio Grande do Norte, Fátima Bezerra (PT), recebeu uma equipe dos Sentinelas de Cristo e anunciou a formação de uma comissão para tomar medidas, juntando esforços com a prefeitura de Natal. Enquanto isso, o pastor Rubens busca apoio em nível federal. Ele chegou a receber manifestação em vídeo do deputado federal Eduardo Bolsonaro (PSL-SP) e alimenta a esperança de que o presidente Jair Bolsonaro possa se sensibilizar com o caso.

Fonte: Guiane.com.br 

segunda-feira, 27 de maio de 2019

Ajude Girlânio realizar seu sonho



Girlânio, jovem cantor e tecladista lagoanovense, de repertório eclético romântico e, que sobretudo, com sua arte e talento,  é um belo exemplo de superação, para familiares amigos e admiradores.

O artista também que também  tem experiência,  em  apresentação de programa na rádio comunitária FM de Lagoa Nova/RN, é pai de uma bela menina, portador de  deficiência visual e atualmente, está sem fazer shows.

O blog O Jornal da Serra, sensível a causa de Girlânio, junta-se a campanha pela reintegração do artista ao cenário artístico regional,  com  divulgação do bilhete, no valor de 5,00R$, para concorrer a 12 peças da TUPPERWARE, que o ajudará  adquiri um teclado novo.

O sorteio, por sua vez, acontecerá no dia 31 de de maio, durante o programa do radialista e cordelista Chagas Gomes.

Não perca tempo, adquira já o seu bilhete da sorte, na rua Radir Pereira, número 584 ou pelo telefone: 99614-1420.

Ajude Girlânio realizar um grande sonho! 


Gabriel Diniz, cantor de ‘Jenifer’, morre aos 28 anos em queda de avião em Sergipe


O cantor Gabriel Diniz, conhecido pelo hit “Jenifer”, morreu nesta segunda-feira (27), aos 28 anos, na queda de um avião de pequeno porte no povoado Porto do Mato, em Estância, na região sul de Sergipe.
De acordo com a Polícia Militar, há três mortos. Inicialmente, o Grupamento Tático Aéreo (GTA) havia informado que eram quatro ocupantes na aeronave, que decolou de Salvador.
Amigos de Gabriel Diniz reconheceram o corpo do artista entre as vítimas. A assessoria de imprensa da produtora do artista confirmou que ele estava no avião. Também foi encontrado o passaporte do cantor perto do local do acidente. Na noite deste domingo (26), ele havia feito um show em Feira de Santana (BA).
O GTA sobrevoa o local do acidente, onde trabalham ainda equipes da PM e do Corpo de Bombeiros. Elas chegaram numa embarcação dos bombeiros, já que a área é de difícil acesso, de mangue e mata fechada.
A queda do avião vai ser investigada pelo Segundo Serviço Regional de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos, com sede no Recife e que abrange o estado de Sergipe.
Segundo documentos achados no local do acidente ao lado do passaporte de Gabriel Diniz, a aeronave é um monomotor Piper prefixo PT-KLO, com capacidade para quatro lugares e registrado em nome do Aeroclube de Alagoas.
A aeronave, segundo o Registro Aeronáutico Brasileiro (RAB), da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac), só pode ser usada para voos de instrução.
Aeronaves da categoria “Privada – Instrução” só podem ser usadas para instrução, adestramento de voo por aeroclubes, clubes ou escolas de aviação civil, segundo o Regulamento Brasileiro de Aviação Civil. Isso significa que não podem ser utilizadas para táxi aéreo, por exemplo.
Uma moradora da região do acidente disse que o avião passou por cima da casa dela e caiu em seguida. Foi ouvido um estrondo nas imediações.
Fonte:G1

250 manifestantes declaram apoio a Bolsonaro no centro de Caicó



Da redação

Mesmo com os 60% de reprovação dos potiguares, ao  presidente Jair Bolsonaro, segundo apontou pesquisa Fiern/Consult  divulgada no domingo (26/05), na região Seridó, manifestantes não desanimaram e foram as ruas e avenidas de Caicó/RN, declarar apoio ao presidente, ministro Sérgio Moro, pacote anti crime e reforma da previdência. 

De acordo com Arquelau Neto, um dos organizadores do movimento, a caminhada organizado pelo "Movimento Direita Caicó", com apoio do diretório do PSL,  começou às 15hs e 30min na praça de alimentação José Augusto,  com cerca de 250 pessoas, que percorreram as avenidas coronel Martiniano e Seridó.  

Ainda conforme informou  Arquelau, por volta das 19hs, após carreata,  aconteceu o encerramento na Ilha de Sant'Ana,  com discursos do presidente do diretório Marcio Gabriel e do vice professor Jessé, Arquelau Neto, Dioneide Santos , Alexandre Cazuza  e Abel  Venâncio.

"Por ser o primeiro movimento de direita a favor da população,  em Caicó tivemos um grande avanço, sobretudo, por ser em dia de domingo", disse.




Contrate já seu show


Aprovação do Governo Fátima Bezerra é de 55% e expectativas são altas



Eleita com votação recorde, com mais de 1 milhão de votos, a governadora Fátima Bezerra segue com aprovação alta pela população do estado: 55,35% dos potiguares aprovam a sua gestão. O índice dos que desaprovam a gestão Fátima ficou em 23,18%. Os dados são da Pesquisa Retratos da Sociedade Potiguar 2019, encomendada pela FIERN ao Instituto Consult Pesquisa. O levantamento foi feito em 57 municípios, em 12 regiões do Rio Grande do Norte, durante o período de 17 a 20 de maio, com margem de erro de 2,3%.
O índice de aprovação é maior nas regiões Central Cabugi, com 71,7%; Alto Oeste, com 64,3%; e Sertão Apodi, com 62%. Além disso, a governadora é melhor avaliada pelo público feminino, com 56,8%, na faixa etária até 24 anos – 59,3%, e com nível superior completo – 63,6%.
Apesar de ter obtido apenas 39,24% dos votos válidos em Natal, a aprovação da governadora na capital agora é de 58,2%. Na Grande Natal, a aprovação chega a 49,5%. Enquanto isso, o pior desempenho da governadora concentra-se em Mossoró, com 42,5%, e no Trairi, com 30,7%.
31,47% dos entrevistados avaliam o governo como ótimo ou bom, enquanto 18,11% disseram ser ruim ou péssimo. Nas regiões Central Cabugi/Litoral Norte, Serão Apodi e Alto Oeste a classificação positiva do Governo do Estado ultrapassa os 40 pontos percentuais.
Também foi aferida a confiabilidade na governadora e ela está alta.49,06% dos entrevistados afirmaram confiar na atual gestão estadual, enquanto os que não confiam somam 31,24%. Apenas 19,71% disseram não saber responder.
A expectativa com relação ao futuro da gestão de Fátima Bezerra também está otimista. Para 45,53% dos entrevistados o governo atual será ótimo e bom; enquanto 11,59% responderam acreditar que será ruim e péssimo. Foi perguntado aos entrevistados se eles consideravam a atual gestão melhor, pior ou igual em relação às gestões anteriores. Para 48,94%, a atual gestão é considerada melhor do que as anteriores, enquanto apenas 8,65% acham pior e 33,65% acham ser igual.
No ar

Igreja de Lagoa Nova comemora aniversário do Kadosh



No domingo (26/05),  a igreja Assembleia de Deus de Lagoa Nova/RN lotada , celebrou o aniversário do ministério de louvor masculino Kadosh. Além da participação da igreja local, na programação que começou no turno matutino,  com  feijoada após a Escola Bíblica Dominical, no culto à noite, a denominação também obteve colaboração da congregação de Ponta de Linha, juntamento com o Pr. José Francisco.

Após entrada solene com o tema: "Homens compromissados com o Reino de Deus", o pastor José Erivan, declarou oficialmente aberto, o culto em ação de graças pelo fechamento da data de fundação. Em seguida, o Kadosh, Atalias de Cristo, Neo cântico, Louvores celestes e os cordeirinhos de Cristo, apresentaram números musicais gospeis. 

Na homilia o pregador Isaque Oliveira, ressoltou a fé, que aos longo das narrativas sagradas,  acompanhou personagens bíblicos.  Para com a explanação evangélica,  contextualizar o sub tema: "Guarda o que tens, para que ninguém tome a tua coroa", Apoc. 3,1b, o preletor também, ,mencionou os atributos da perseverança cristã, em face dos desafios da contemporaneidade.  

Veja os principais flashs: 










sábado, 25 de maio de 2019

Senadores tentam sustar novo decreto de armas de Bolsonaro


Os senadores Fabiano Contarato (E) e Randolfe Rodrigues são autores de uma das propostas em exame na Comissão de Constituição e Justiça que pretendem anular o decreto sobre uso de armas editado pela Presidência da República (Imagem da Agência Senado).
Geraldo Magela/Agência Senado
A segunda versão do decreto sobre armas de fogo editado pelo presidente Jair Bolsonaro não convenceu alguns senadores, que insistem na inconstitucionalidade da norma. Parlamentares do PT, da Rede e do Cidadania apresentaram projetos de decreto legislativo para derrubar as novas regras. Duas proposições estão na Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania (CCJ), onde aguardam a designação de relatores.

Uma das propostas, o PDL 286/2019, é assinada pelos senadores Randolfe Rodrigues (Rede-AP) e Fabiano Contarato (Rede-ES). Eles argumentam novamente que o Estatuto do Desarmamento só pode ser alterado por meio de lei e acrescentam que as alterações feitas pelo Executivo na segunda versão da norma não repararam os vícios existentes.
"O instrumento utilizado é uma maneira rasteira de driblar o Estatuto do Desarmamento. O Congresso é o local adequado para se realizar qualquer alteração no que diz respeito ao porte e posse de armas, uma vez que está havendo criação de direitos. Tal medida burla claramente os princípios da reserva legal e da separação dos Poderes [...] Não se pode deixar o Poder Executivo alterar uma política pública devidamente aprovada pelo Legislativo, instância adequada para o debate", justificam os parlamentares no texto.
Na mesma linha, o PDL 287/2019 foi apresentado por sete senadores do PT. Segundo eles, a tentativa do presidente de minimizar impactos negativos do primeiro decreto "não afastam a responsabilidade do Legislativo em proteger suas prerrogativas e extirpar do ordenamento jurídico esta verdadeira desregulamentação do Estatuto do Desarmamento".
Os oposicionistas também alegam que não houve qualquer estudo de impacto da medida para o sistema de saúde pública e apostam em um reflexo negativo para o setor:
"O decreto impactará no aumento da demanda para o sistema público de saúde, sobre seus setores de urgência e emergência, filas de cirurgias ortopédicas e serviços de reabilitação. O quadro se torna ainda mais grave com o congelamento de investimentos nos recursos federais. Ou seja: teremos uma combinação de aumento da demanda com restrição da oferta com evidente prejuízo para toda população", afirmam.
A senadora Eliziane Gama (Cidadania-MA) é outra que não concorda com a medida do presidente Jair Bolsonaro. Ela também apresentou um projeto — que ainda não recebeu numeração — para derrubar as novas regras. Para a representante do Maranhão, persistem os vícios materiais e formais.
"As ilegalidades permanecem, uma vez que a norma editada exorbita e colide com dispositivos já em vigor no Estatuto do Desarmamento", alega a senadora na proposta.

Contrate já seu show!


quinta-feira, 23 de maio de 2019

Com apoio do Governo, queijeiro do Seridó participa de competição na França

Elisa Elsie/ASSECOM/RN
Lucenildo Firmino, 40 anos de idade, produtor de queijo artesanal de coalho e de manteiga em Tenente Laurentino Cruz, município da região Seridó, distante 254 quilômetros de Natal, vai expor os produtos que fabrica na Queijeira Serra de Santana na 4ª edição da Mondial Du Fromage – Et Des Produits Laitiers, na cidade de Tours, na França, no período de 02 a 04 de junho próximo.

“Galego”, como Firmino é mais conhecido, tem apoio do Governo do Estado para participar do evento internacional e integra um grupo de 39 produtores artesanais que estão sendo beneficiados com financiamento para construção das instalações físicas e equipamentos para aperfeiçoar a produção.

A governadora Fátima Bezerra recebeu o produtor em seu gabinete nesta quinta-feira e o parabenizou enfatizou o apoio do governo ao setor do queijo. “Nós estamos executando um grande projeto que vai beneficiar, valorizar e dar mais qualidade ao nosso queijo. O Seridó tem uma cultura de 300 anos na produção de queijos, mas agora estamos fazendo mais, criando as condições para a certificação, dando segurança sanitária, organizando a cadeia produtiva. Tudo isso terá enorme impacto econômico e social, valorizando os produtos e os produtores e ainda os consumidores que terão alimentos de qualidade assegurada. Todos ganham”, disse a chefe do Executivo estadual.

O projeto de valorização do queijo artesanal do Seridó integra o programa Governo Cidadão, do Governo do Estado, que é financiado com recursos do empréstimo ao Banco Mundial. Estão sendo investidos R$ 23 milhões em 39 queijeiras cadastradas.

O titular da Secretária Extraordinária de Gestão de Projetos e Metas de Governo e Relações Institucionais, Fernando Mineiro explica que “o objetivo é a regularização sanitária das queijeiras com adequação da infraestrutura, aquisição de maquinário e equipamentos necessários, melhoria na logística do transporte, comercialização e capacitação dos funcionários na comunidade. A regularização é importante para que as cooperativas recebam o selo das instituições sanitárias vigentes: Serviço de Inspeção Municipal; Instituto de Defesa e Inspeção Sanitária (IDIARN); Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA)”.

Antes do convite para expor seus queijos na França, “Galego”, que adquiriu a queijeira do seu irmão em 2016, classificou os produtos em eventos regionais e nacionais. Em 2017 foi medalha de ouro com o queijo coalho numa mostra promovida pelo Sebrae. Em 2018, no Encontro Nordestino de Laticínios, ganhou medalha de prata com o queijo de manteiga e medalha de bronze com o queijo coalho. Ainda em 2018, em um concurso nacional em São Paulo, ganhou medalha de prata para o queijo de manteiga. Ao todo, a Queijeira Serra de Santana acumula nove premiações nacionais e regionais.
“Participar deste concurso na França é reconhecimento ao nosso trabalho. Não só meu, mas das 44 famílias de produtores familiares que fornecem o leite para nossa queijeira e também para toda a cadeia produtiva”, afirmou. Ele disse que o reconhecimento já obtido, “permitiu uma melhoria na comercialização dos queijos e isso eu repassei para meus fornecedores, em torno de 10%”, fez questão de declarar.
Hoje “Galego” trabalha com a esposa e dois funcionários e produz em média 160 quilos por dia. Com os investimentos proporcionados pelo Governo do Estado, a queijeira Serra de Santana terá capacidade para processar até quatro mil litros de leite em dois turnos, diariamente, que resultará em 400 quilos de queijos e manteiga de garrafa.

ASSECOM/RN

Galego da queijeira vai ao gabinete da Governadora Fátima



Por Eliabe Alves

Nesta quinta-feira (21/05), o empresário Galego da Queijeira, foi recebido na governadoria por Fátima Bezerra, o vice Antenor e auxiliares. Na visita de cortesia, o produtor presenteou a chefe do executivo estadual, com camisetas e produtos que exprimem a marca de sucesso, que o levou a ser campão em qualidade de queijo artesanal,  em nível regional, nacional e, sobretudo, o levará com o a poio do SEBRAE e Governo do RN,  participar da 4ª edição da Mondial Du Fromage – Et Des Produits Laitiers em Tour, na França, período de 02 a 04 de junho próximo, para uma competição internacional de queijo. 

Confira na integra, mensagem na qual a governadora do RN, se congratula com o empresário, publicado em seus canais das redes sociais:

"Lucenildo Souza, mais conhecido na cidade de Tenente Laurentino Cruz como Galego da Queijeira, começou a produzir queijo na fazenda do patrão em Jucurutu quando tinha 20 anos, é hoje é dono da Queijeira Serra de Santana que já acumula nove premiações nacionais e regionais e agora irá participar 4ª edição da Mondial Du Fromage – Et Des Produits Laitiers em Tour, na França, uma competição internacional de queijo. Hoje, o Galego da Queijeira visitou a Governadora Fátima Bezerra para celebrar o prêmio e agradecer pela retomada do Edital de Leite e Derivados, lançado em 2017, ano em que Lucenildo foi contemplado.

A queijeira Serra de Santana vai receber R$ 365 mil em investimentos, entre obras e equipamentos. No total, os recursos aplicados nas 39 queijeiras somam R$ 23 milhões e são oriundos do Edital de Apoio à Cadeia Produtiva do Leite e Derivados da Agricultura Familiar, lançado com intuito de dar apoio financeiro e técnico às organizações que produzem leite e derivados no Seridó.

O objetivo é a regularização sanitária das queijeiras por meio da adequação da infraestrutura, aquisição de maquinário e equipamento necessário, melhoria na logística do transporte, comercialização e capacitação dos funcionários da comunidade. A regularização é importante para que as cooperativas recebam o selo das instituições sanitárias vigentes: Serviço de Inspeção Municipal; Instituto de Defesa e Inspeção Sanitária (IDIARN); Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA)".




Foto: Elisa Elsie

Veja como deputados do RN votaram sobre comando do Coaf

Bancada do RN (Fotomontagem BSV)
Na votação nessa quarta-feira (22) na Câmara Federal, que tirou o Conselho de Controle de Atividades Financeiras (COAF) do Ministério da Justiça, comandado pelo ministro Sérgio Moro, e o levou para o Ministério da Economia de Paulo Guedes, os oito deputados federais do RN se posicionaram da seguinte forma:

Beto Rosado (PP) e Natália Bonavides (PT) votaram para tirar o Coaf de Moro.

Já Generão Girão (PSL), Benes Leocádio (PRB) e Walter Alves (MDB) votaram para que o Coaf ficasse nas mãos do ex-juiz.

Fábio Faria (PSD), João Maia (PR) e Rafael Motta (PSB) não votaram.

No total, Moro perdeu o Coaf por 228 votos a 210, na votação ocorrida ontem (22), no plenário da Câmara dos Deputados. A votação representou uma derrota para Moro e para o Palácio do Planalto.

O texto segue agora para o Senado, antes de ser enviado para sanção do presidente Jair Bolsonaro (PSL).

SV.


STF tem maioria a favor da criminalização da homofobia


Julgamento foi suspenso e será retomado no dia 5 de junho (Foto: Nelson Jr./SCO/STF).
O Supremo Tribunal Federal (STF) formou hoje (23) maioria de seis votos a favor da criminalização da homofobia como forma de racismo. Apesar do placar da votação, o julgamento foi suspenso e será retomado no dia 5 de junho. 
Até o momento, a Corte está declarando a omissão do Congresso em aprovar a matéria e determinado que o crime de racismo seja enquadrado nos casos de agressões contra o público LGBT (lésbicas, gays, bissexuais, transexuais e travestis) até que a norma seja aprovada pelo Parlamento. 
O julgamento começou em fevereiro e foi retomado nesta tarde com as manifestações da ministra Rosa Weber e do ministro Luiz Fux, também favoráveis à criminalização. Com os votos de Weber e Fux, ficou formada a maioria com os votos de Edson Fachin, Alexandre de Moraes, Luís Roberto Barroso, além do relator, Celso de Mello. 
Em seu voto, Rosa Weber entendeu que a Constituição obrigou o Congresso a aprovar medidas para punir comportamentos discriminatórios, que inclui as condutas direcionadas à comunidade LGBT. Segundo a ministra, o comando constitucional não é cumprido desde a promulgação da Carta Magna, em 1988. 
"A mora do Poder Legislativo em cumprir a determinação que lhe foi imposta está devidamente demonstrada. A existência de projetos de lei não afasta a mora inconstitucional, que somente se dá com a efetiva conclusão do processo legislativo", disse. 
Em seguida Fux também concordou com a tese de morosidade do Congresso e afirmou que as agressões contra homossexuais não são fatos isolados. "A homofobia se generalizou, muito embora, quando o STF julgou a união homoafetiva, as cenas de violência explícita homofóbicas diminuíram", disse.
O caso é discutido na Ação a Direta de Inconstitucionalidade por Omissão (ADO) nº 26 e no Mandado de Injunção nº 4.733, ações protocoladas  pelo PPS e pela Associação Brasileiras de Gays, Lésbicas e Transgêneros (ABGLT) e das quais são relatores os ministros Celso de Mello e Edson Fachin.
As entidades defendem que a minoria LGBT deve ser incluída no conceito de "raça social", e os agressores, punidos na forma do crime de racismo, cuja conduta é inafiançável e imprescritível. A pena varia entre um e cinco anos de reclusão, de acordo com a conduta.
Na abertura da sessão de hoje, por maioria de votos, a Corte decidiu continuar o julgamento mesmo diante da deliberação da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) do Senado Federal, que aprovou ontem (22) a mesma matéria, tipificando condutas preconceituosas contra pessoas LGBT. 
Agência Brasil.

OBITUÁRIO: Família de Luís Joaquim de Oliveira informa seu falecimento


Nasc. 18/02/1940         Falec. 23/05/2019

Familiares de LUÍS JOAQUIM DE OLIVEIRA, comunicam seu falecimento, ocorrido nas primaras horas dessa quinta-feira (23/05), ao mesmo tempo, convidam parentes e amigos para o velório, que começa às 11hs de hoje, na Rua Nozinho Felipe, Nº 142, centro de Lagoa Nova/RN. O sepultamento, será às 16hs30min no cemitério público Santo Expedito.

O blog O JORNAL DA SERRA, expressa sentimento de pesar a família de seu Luís, amigo  solícito e acolhedor.

quarta-feira, 22 de maio de 2019

CHARGE DA SEMANA


45% das doenças cardíacas têm início na cavidade bucal, segundo InCor


Investir na saúde bucal não previne apenas cárie, gengivite e mau hálito, mas também contribui para evitar doenças cardíacas. Segundo estudo do Instituto do Coração (InCor), da Universidade de São Paulo (USP), 45% das doenças cardíacas têm início na cavidade bucal. Entre elas estão a endocardite bacteriana, aterosclerose, arritmia, acidente vascular cerebral (AVC) e até mesmo o infarto.
Para ajudar os curitibanos a avaliar se estão em dia com a higiene bucal, a Secretaria Municipal da Saúde incluiu no Portal do Programa Escute o Seu Coração um teste sobre o tema (clique aqui). O quiz é composto de seis perguntas, em que é provocada a reflexão sobre escovação, uso de fio dental, aparência de dentes e gengivas. A cada resposta, o portal disponibiliza informações e orientações ao internauta, apontando se ele está no caminho certo ou se precisa de mais atenção no cuidado bucal.
O teste também orienta um autoexame da boca, com auxílio de um espelho e indica as unidades de saúde mais próximas do endereço do usuário. As 111 unidades de saúde de Curitiba ofertam serviços de Odontologia.
A ferramenta incentiva o autocuidado e a autoavaliação dos hábitos de escovação, porém não substitui a visita periódica ao dentista, conforme alerta a coordenadora de Saúde Bucal da Secretaria Municipal da Saúde, Viviane Gubert. “É importante manter uma rotina de consulta com um profissional, dentro da necessidade de cada caso”, diz.

Saúde da boca e do coração

Por isso, de acordo com Viviane, cuidar da sua boca é, também, cuidar do coração. “A saúde bucal inadequada pode aumentar o risco de aparecimento ou complicações de problemas cardíacos”, afirma.
Segundo ela, a boca tem muitas bactérias e feridas – nas gengivas, céu da boca, língua ou nos dentes – são atalhos para que bactérias nocivas entrem na corrente sanguínea e se instalem em artérias e até mesmo no coração. “Isso pode contribuir para inflamações, favorecendo complicações cardiovasculares”, explica.

O programa

O Escute o seu Coração é um programa da Prefeitura que pretende cuidar do coração dos curitibanos, estimulando estilos de vida saudáveis, a promoção da saúde e a prevenção de doenças cardiovasculares.
O teste da saúde bucal é mais um dos testes propostos pelo portal do Programa Escute o Seu Coração. Além dele, há outros seis, sobre alimentação saudável, atividade física, peso corporal, nível de estresse, tabagismo e consumo de álcool, todos com orientações para adoção de hábitos mais saudáveis em cada área.
Fonte: Saúde Total

terça-feira, 21 de maio de 2019

Governo lança campanha publicitária pela reforma da Previdência

Ao custo de R$ 37 milhões, veiculação começou nesta segunda-feira (Foto:Agência Brasil).
Em cerimônia no Palácio do Planalto, o presidente Jair Bolsonaro lançou ontem (20) a campanha publicitária em defesa da reforma da Previdência. Com o slogan Nova Previdência. Pode perguntar, as peças trazem pessoas comuns fazendo perguntas sobre a proposta em tramitação no Congresso. A campanha, que será veiculada em jornais, emissoras de rádio e televisão, internet, mídias sociais, mídia exterior e painéis de aeroportos, rodoviárias e estações de metrô, foi formulada pela Secretaria Especial de Comunicação Social da Presidência da República (Secom) e executada pela agência Artplan. Segundo a própria Secom, serão investidos um total de R$ 37 milhões nas inserções publicitárias, que vão ao ar a partir desta segunda até meados de julho.
Em seu discurso, Bolsonaro fez um aceno ao Congresso Nacional, lembrando que cinco dos seus ministros são oriundos do Parlamento e que ele valoriza o Poder Legislativo, que dará a palavra final sobre a matéria. "Nós valorizamos, sim, o Parlamento brasileiro, que vai ser quem vai dar a palavra final nessa questão da Previdência, tão rejeitada ao longo dos últimos anos. Mas, quando se tem, à sua frente, os números concretos da Previdência, muita gente muda de ideia", afirmou.
Bolsonaro também fez questão de citar os presidentes da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia, e do Senado, Davi Alcolumbre, pelo apoio que têm dado à reforma. Dirigindo-se aos parlamentares presentes à cerimônia, o presidente afirmou que está aberto a conversar, o que só não faz mais por falta de agenda. Ele disse, no entanto, esperar que não haja muitas mudanças no texto original da proposta de emenda constitucional enviada pelo governo.  
"Só não recebo mais por falta de agenda, mas gostaria de continuar a conversar com o maior número possível de vocês [parlamentares] para que possíveis equívocos, possíveis melhoras nós possamos, junto ao Parlamento brasileiro, buscar [resolver]. Se bem que, pretendemos que nossa reforma saia de lá com menor número possível de emendas aprovadas", acrescentou.
Agência Brasil.

segunda-feira, 20 de maio de 2019

2O anos sem Chicó Bernadino e Maria de Lourdes

Foto do casal, ao lado da capela, onde o menino  Chicó foi batizado, crismado e, sobretudo, onde contraiu matrimônio feliz com Maria de Lourdes (Acervo de divulgação).
Por Eliabe Alves

No fim de semana, em Lagoa Nova/RN, os vinte anos de falecimento do ex-prefeito Francisco Jerônimo de Medeiros, "Chicó Bernadino", juntamente com a esposa Maria de Lourdes de Medeiros, foram lembrados através de novena, na igreja de São Francisco, celebrada no sábado (18/05). No domingo (19/05), durante a missa solene, em homenagem aos 64 anos da da Festa do Agricultor, familiares e conterrâneo rezaram pelo o saudoso casal. 

Francisco Jerônimo, nasceu em Lagoa Nova/RN em 30 de setembro de 1929. Seu pai era o pequeno comerciante Bernadino Bezerra de Sena e sua mãe era a dona de casa Luzia Maria. Chicó,  estudou  na escola reunida Ulysses Telêmaco de Araújo Galvão. Se iniciou no comercio, como ajudante e sócio de seu progenitor,  que solteiro, em 1915, migrou para a Serra de Santana, fugindo da terrível seca que assolava o sertão de Currais Novos/RN.

Na época, para manter a bodega, viajava para Campina Grande/PB e Recife/PE, em busca de mercadorias e. anos mais tarde, adquiriu um novo ponto comercial a "Casa do Povo".  Em 24 de junho de 1951, casa-se com maria de Lourdes de Medeiros, com quem gerou nove filhos, sendo quatro mulheres e cinco homens. Nessa quadra de tempo, se dividia com atividades no campo, ensinava os filhos criar animais e cultivar a terra.

Chicó e Maria de Lourdes, em retratos da juventude (Acervo da família).

Estreou na vida pública em 1962, como prefeito provisório, nomeado pelo  governo do estadual de então, ficando no carto até 1963. Em 1969, eleito pelo povo, voltou a prefeitura para cumprir mandato integral, sendo que, o vice era Joaquim Coutinho. No ano de 1970, saiu do PTB para a ARENA. Em 1977, retorna ao executivo municipal, para exercer a ultima gestão que terminou em 1983. Na década de noventa, pelo PFL, foi vice de Erivan Costa.

Fora da política, "seu Chicó" gostava de se manter informado, por meio de leituras de jornais, revistas ,  rádio e TV. Era um homem que participava da vida social  da cidade, vez por outra tomava um pouco de Whisky, curtia banho de mar. No lado religioso, com fita azul no pescoço, participando da Congregação Mariana, organizando das festas do padroeiro, ministrando eucaristia, apadrinhava batismos, crisma   e casamentos.

Faleceu em 17 de maio de 1999, no hospital INTORN-Natal/RN, em decorrência de um acidente automobilístico, que antes, também vitimou sua espoca em 25 de abril do mesmo ano. Foi sepultado em sua cidade, em enorme   cortejo de familiares, amigos, políticos e o boa parte da população local.

Em 2019, se vivo estivesse, "Chico Bernadino" faria 90 anos de idade.

Familiares em novena na matriz de São Francisco de Assis (Acervo da família).
Maria Francisca, Maria Salete, Odon Oliveira e Maria Luzinete, em missa do agricultor (Foto: O jornal da Serra).